WhatsApp
(11) 987-135-444

20 de abril de 2014

Um novo Corinthians a partir de hoje?

por Sylvio Micelli

Em 1999, o Corinthians foi tricampeão brasileiro em confronto com o Atlético Mineiro
Reprodução
Hoje tem início a 44ª Edição do Campeonato Brasileiro de Futebol, neste formato disputado a partir de 1971. Um campeonato que começa com indecisões sobre a participação da Portuguesa e agora até o Icasa pleiteia seu lugar ao sol. É triste num ano de Copa do Mundo, que tenhamos uma competição assim, mas são coisas da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) que terá novo presidente em 2015 mas que, certamente, em nada mudará o atual status quo de gestão do futebol brasileiro.

O Sport Club Corinthians Paulista, o mais amado e mais odiado clube de futebol do planeta estreia contra o Clube Atlético Mineiro. Trata-se do duelo dos dois últimos campeões da Taça Libertadores da América e que muitos acreditavam ser o principal jogo da Libertadores do ano passado, caso o Corinthians não tivesse sido tungado no jogo contra o Boca Juniors.

O Atlético permanece na Libertadores e foi vice-campeão mineiro. O Timão passa por um acerto de elenco e foi eliminado ainda na primeira fase do Campeonato Paulista. Depois soubemos que o time que o eliminou, o simpático Ituano, seria campeão da competição.

O que se quer é um time renovado em campo e em espírito, para que se busque o retorno à Libertadores de 2015. Há novos jogadores, outros saíram e a vida segue. Que hoje seja o início de mais uma trajetória vitoriosa do pentacampeão brasileiro.


História

Corinthians e Atlético Mineiro tem jogos importantes. Em 1999, a partida marcou a decisão do campeonato brasileiro e o time paulista levou a melhor. Após perder o primeiro jogo no Mineirão por 3 a 2, com uma atuação brilhante do atleticano Guilherme, autor dos três gols e artilheiro daquela edição, o time reduziu o prejuízo com Vampeta e Luizão.

Na segunda partida, no Morumbi, o Timão venceu por 2 a 0, gols de Luisão.

Em jogo desempate, realizado em 22 de dezembro de 1999, mais uma vez no Morumbi, o empate de 0 a 0, garantiu o tricampeonato ao clube de Parque São Jorge. O Timão, treinado pelo então desconhecido Oswaldo de Oliveira, foi campeão com  Dida; Índio, João Carlos, Márcio Costa e Kléber; Gilmar (Edu Gaspar), Vampeta (Marcos Senna), Rincón e Ricardinho. Marcelinho Carioca (Dinei) e Edílson.

Ao longo da história de quase 85 anos foram 87 jogos com 35 vitórias do Corinthians, 28 dos mineiros e 24 empates. O Timão marcou 132 vezes e sofreu 116 gols.

A primeira partida entre as equipes aconteceu em 30 de maio de 1929 e foi vencida pelos mineiros por 4 a 2 na inauguração do estádio Presidente Antonio Carlos. O Corinthians treinado por Virgílio Montarini foi derrotado com Tuffy; Nerino, Grané, Del Debbio e Bastos; Amendoim, Peres, Aparício e Ratto; Valeriano e De Maria. Mário de Castro (3) e Said fizeram os gols atleticanos, enquanto Valeriano e De Maria descontaram para o Corinthians.

No mesmo ano, mas em 12 de outubro, o Corinthians foi impiedoso e aplicou 11 a 2 sobre os mineiros. Os tentos corinthianos foram marcados por De Maria, Ratto, Neco (2), Gambinha e Filó (3). Mário de Castro marcou os gols mineiros. O Timão veio a campo com Tuffy; Nerino, Grané, Del Debbio e Munhoz; Guimarães, Filó, Neco e Gambinha; Ratto e De Maria sob o comando de Virgílio Montarini.

Há duas curiosidades sobre este jogo: é a maior goleada sofrida pelo Galo em toda a sua história e antes do jogo foi inaugurado o busto de Neco, um dos mais importantes jogadores da história do alvinegro paulista.

O retrospecto do Corinthians em campeonatos brasileiros também é favorável. Foram 52 partidas com 23 vitórias, 13 empates e 16 vitórias do Atlético. O Timão fez 69 gols e sofreu 59. O mais recente confronto entre Timão e Galo foi pelo segundo turno do Brasileirão 2013: um empate sem gols no estádio Independência em Minas Gerais em partida disputada em 6 de outubro do ano passado.

Será o primeiro jogo entre as duas equipes jogando em Uberlândia no estádio Parque dos Sabiá (Estádio Municipal João Havelange).


0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Os textos são de autoria do Jornalista Sylvio Micelli. Publicação autorizada com a citação da fonte. Tecnologia do Blogger.

Labels

Funcionalismo (406) 2013 (344) Jornalismo e Nada Mais (294) Política (168) Assetj (166) Corinthians (159) Fespesp (141) 2014 (127) CNSP (110) Iamspe (89) CCM Iamspe (82) 2015 (23)