WhatsApp
(11) 987-135-444

10 de novembro de 2013

Deputado confirma presença no lançamento de Central dos Servidores

por Sylvio Micelli / FESPESP - CNSP

O deputado estadual e líder do PSOL, professor Carlos Giannazi confirmou presença no ato marcado para esta segunda-feira, dia 11 de novembro, para a discussão e lançamento de uma Central de Servidores Públicos.

O evento, que está sendo promovido pela Federação das Entidades de Servidores Públicos do Estado de São Paulo (Fespesp), em conjunto com a Confederação Nacional dos Servidores Públicos (CNSP), acontece às 10 horas no Plenário Paulo Kobayashi da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo e deverá contar com a presença da confederação associativa, federações, associações, sindicatos, parlamentares e apoiadores.

Giannazi afirmou que dá total apoio à criação deste "instrumento de luta em defesa da dignidade e dos direitos dos servidores públicos de todo o Brasil". O parlamentar apontou que existe a necessidade de uma criação de uma central para servidores porque "as existentes trabalham muito mais no trato com a iniciativa privada". Ele ainda critica: "muitas das atuais centrais são pelegas e cooptadas pelos governos. Então é preciso de uma central para o funcionalismo, porque as lutas são outras, a negociação é outra e os servidores devem construir esta alternativa".



Major Olímpio e Arnaldo Faria de Sá também apoiam

O deputado estadual e líder do PDT, Major Olímpio Gomes também deu pleno apoio à criação da Central. "Obviamente que as centrais existentes não vão gostar e algumas críticas surgirão. Mas eu vejo [na criação de uma Central de Servidores] uma luz no fim do túnel para o fortalecimento da mobilização do funcionalismo e da boa prestação dos serviços públicos. Vai ser um grande avanço esta Central, com esta agregação de mais de 12 milhões de servidores em todo o país e eu, na condição de servidor público, também vou participar".


O deputado federal Arnaldo Faria de Sá (PTB) também teceu elogios à iniciativa. "O governo tem fragmentado a negociação com as categorias do funcionalismo, buscando enfraquecer o poder do servidor público e impondo a força do estado. Quando junta tudo fica mais fácil. Aí você poderá colocar o governador, o prefeito e até a presidência da República nos seus devidos lugares", opinou.


O evento

O ato público que ocorre nesta segunda (11) pretende discutir as bases para o lançamento de uma futura Central. Todas as entidades do funcionalismo (confederações, federações, associações, sindicatos) foram convidadas. Além de várias entidades de São Paulo, confirmaram presença representantes do Rio Grande do Sul e de Goiás.

Mais informações e adesões podem ser feitas pelo site http://www.centraldoservidorpublico.com.br/ ou pelo e-mail csp@centraldoservidorpublico.com.br.


Histórico

Um dos primeiros movimentos para criar uma central que reunisse servidores públicos aconteceu em meados nos anos 90, à época de um conjunto denominado Comissão das Entidades Representativas de Servidores Públicos do Estado de São Paulo, quando as discussões sobre as reformas administrativa e previdenciária do Governo FHC, apontaram a necessidade de formar um grupo que unisse confederações, federações, associações e sindicatos de servidores sob uma central única.

Há 10 anos, também sob a influência das discussões da reforma previdenciária do Governo Lula, a criação de uma Central chegou a tomar corpo com a criação, inclusive, de uma logomarca à época. A proposta envolvia entidades estaduais e municipais, além das federais, muitas vinculadas às carreiras do Fisco. A aprovação da reforma, porém, sob a Emenda Constitucional nº 41, aliado a alguns problemas de relacionamento entre entidades, enfraqueceu aquele trabalho que acabou por ser abandonado.

Agora, em 2013, as discussões voltaram à pauta por meio do XII Seminário da Fespesp "Resgate de Direitos", realizado em julho passado. No mesmo mês, o assunto foi tratado durante um encontro conjunto promovido pela Federação Nacional dos Servidores do Poder Judiciário dos Estados e Distrito Federal (Fenasj) e a Associação Nacional dos Servidores do Judiciário (ANSJ). Em outubro, o seminário "Servidor Público na Participação por um Brasil mais Justo" promovido pela CNSP, também deu destaque ao tema.

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Os textos são de autoria do Jornalista Sylvio Micelli. Publicação autorizada com a citação da fonte. Tecnologia do Blogger.

Labels

Funcionalismo (406) 2013 (344) Jornalismo e Nada Mais (294) Política (168) Assetj (166) Corinthians (159) Fespesp (141) 2014 (127) CNSP (110) Iamspe (89) CCM Iamspe (82) 2015 (23)