WhatsApp
(11) 987-135-444

14 de julho de 2013

Relatório da reunião da CCM Iamspe com a Superintendência e a direção do Decam - 27/06/2013

Na última quinta (27), a Mesa Diretora e os Coordenadores da Comissão Consultiva Mista do Instituto de Assistência Médica ao Servidor Público Estadual (Iamspe) reuniram-se com o superintendente do Iamspe, Latif Abrão Júnior e o diretor de Decam (Departamento de Convênios), Wagner Magosso. Pela CCM Iamspe participaram Sylvio Micelli (presidente), Luiz Moreno (vice-presidente), João Elísio Fonseca (2º vice-presidente), Célia Regina Palma Martins (coordenação da Capital), Maria Antonia de Oliveira Vedovato e Rosalina Chinone (coordenação da Grande São Paulo) e Luiz da Silva Filho (coordenação do Interior), justificando-se a ausência dos demais coordenadores. Também participou Nilze Berger Campos, secretária da CCM.

Dentre os diversos assuntos que foram tratados resumimos:

1. A CCM solicitou que haja maior proximidade entre o Decam e a Comissão, no que tange às informações sobre convênios. Argumentou-se que há muitas informações desencontradas, alguns boatos que são plantados para prejudicar o andamento dos trabalhos e que isso traz dificuldade aos representantes que estão nas cidades e nas regiões. Sendo assim, ficou acertado com a Superintendência e a direção do Decam que, mensalmente, haverá um ofício completo com todos os convênios a vencer, vencidos, ampliados ou que tenham valores alterados e outras informações correlatas, referente ao mês em vigência, a começar de julho de 2013. A cada reunião mensal ordinária da CCM Iamspe, o ofício será lido e fará parte integrante da ata da Comissão.

2. A superintendência afirmou que está solicitando junto ao erário público, a majoração dos R$ 100 milhões anuais destinados pelo governo, com base na inflação apurada de julho de 2008 até hoje. Ainda não há resposta sobre o pleito, mas segundo o superintendente as conversas estão "positivas".

3. Foi cobrada da Superintendência a questão da lei do "Iamspe Novo", principalmente sobre o Conselho de Administração. O superintendente afirmou que o projeto está na Casa Civil e assim que retornar, ele marcará uma reunião para discutir "ponto a ponto" com a CCM, pois deseja encaminhar o projeto à Assembleia Legislativa sem nenhum entrave para facilitar a votação. Latif Abrão Júnior acredita que até agosto próximo deverá ocorrer esta reunião sobre o projeto.

4. A superintendência perguntou informações sobre a Audiência que a CCM realizou na Alesp no período da manhã. Foram prestadas tais informações, ressaltando-se a postura do deputado estadual Mauro Bragato (PSDB) que se posicionou favoravelmente à contribuição paritária do governo, bandeira histórica da CCM.

5. O superintendente falou sobre o andamento da reforma do HSPE e afirmou que quer o acompanhamento da CCM Iamspe em relação à obra. Por sinal, a CCM Iamspe já havia solicitado a constituição de uma comissão neste sentido, conforme reunião mensal ordinária realizada em maio passado. Nesta semana será oficiada à superintendência a solicitação.

6. Foram relatados problemas na região de Presidente Prudente, principalmente sobre a renovação do convênio com a Santa Casa local. A direção do Decam se comprometeu a visitar a cidade nos próximos dias para verificar os problemas apontados.

7. A direção do Decam informou sobre novo convênio em Santo André e a perspectivas de duas visitas a hospitais na Baixada Santista, um em Santos e outro em São Vicente. Sobre a instalação de um escritório do Iamspe na cidade de Ourinhos, a direção do Decam afirmou que não há problemas, desde que a prefeitura ceda o espaço e funcionários. O Iamspe implementa o sistema que facilitaria a impressão de carteirinhas e outros serviços da esfera administrativa. Sobre a informação de que o convênio com São José do Rio Preto tenha sido reduzido, o Decam informa que há um equívoco. Na verdade os valores foram ampliados, segundo informações do doutor Magosso.

8. Também foram relatados problemas com as perícias médicas que foi, inclusive, objeto de discussões na Audiência Pública, realizada no mesmo dia. Foi esclarecido que houve "um ou outro erro na marcação da perícia, trocando-se as cidades", mas que as perícias estão sendo "bem encaminhadas". Ressaltou-se que os "abusos na concessão de perícias" estão sendo coibidos e por isso há reclamações e, em que pese uma empresa contratada para este fim, a responsabilidade final permanece com o Departamento de Perícias Médicas do Estado (DPME). A empresa chama-se Ambiental, a sede é em Lençóis Paulista e o diretor do Decam afirmou que presta orientações sobre os critérios para a concessão de perícias, dentro da legislação em vigor.

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Os textos são de autoria do Jornalista Sylvio Micelli. Publicação autorizada com a citação da fonte. Tecnologia do Blogger.

Labels

Funcionalismo (406) 2013 (344) Jornalismo e Nada Mais (294) Política (168) Assetj (166) Corinthians (159) Fespesp (141) 2014 (127) CNSP (110) Iamspe (89) CCM Iamspe (82) 2015 (23)